Todos os dias, em algum ponto da Amazônia, uma capivara precisa correr mais do que um jaguar para continuar sobrevivendo; o jaguar precisa correr mais do que a capivara para também continuar sobrevivendo.

 

Em nossa vida empresarial, o dia–a-dia não é diferente do cotidiano na Amazônia. Nós precisamos ser mais rápidos que o nosso concorrente; para isso temos que enfrentar inúmeros telefonemas, e-mails e reuniões por semana, atingir metas “impossíveis”, etc.; em outras palavras, “fazer poeira para não engolir poeira”.

 

Não basta produzir qualquer número ou relatórios; é preciso ter idéias para resolver problemas e gerar resultados.

 

Por que inovar?

 

Se você pensar que não tem jeito para se diferenciar, ou seja, de evitar ser apenas mais um, você sucumbirá frente ao seu concorrente.

 

Por isso, a palavra “mágica” Inovação, entendida como a capacidade de criar o novo, de se reinventar e de se adaptar a tendências.


Mas não basta acatá-la: é preciso partir para a geração de novas idéias de fato. A empresa moderna prefere discutir idéias brilhantes em vez de sofisticados planos estratégicos.


Por que algumas empresas desenvolvem seus negócios, enquanto outras ficam sentadas sobre obstáculos e problemas?


O que fazer?


Para responder a essa pergunta, ou melhor, para identificar a posição da sua empresa entre estes polos, a sugestão é olhá-la sob o seu Prisma Empresarial.


Prisma Empresarial é uma metáfora para fragmentar a luz em suas cores do arco-íris, que define a “personalidade” da organização e ajuda a visualizar o bom ou mau desempenho da gestão empresarial.


A análise do espectro permite identificar e remover os obstáculos que impedem a empresa de obter os resultados desejados.


Portanto estamos falando sobre um convite para enxergar o mundo empresarial sob uma nova ótica, ou seja, buscar sempre um foco específico sob um ângulo diferente, o qual deve ser fragmentado sob a luz da inspiração e inovação, para convergir na melhor solução a ser aplicada.

 

Como disse alguém: “O mundo corporativo é como um prisma – o que você vê depende de como você gira o cristal”. Em analogia, podemos afirmar “Gestão Empresarial é como um prisma – o que você vê depende de como você gira a pirâmide”.


Quando inovar?


Seguem aqui algumas situações que sugerem a aplicação desta metodologia:

 

  • “Todos estão de acordo sobre o rumo dos negócios, mas nada muda”.
  • “Outro negócio perdido, enquanto se aguardava uma decisão”.
  • “É uma boa idéia, mas não vai dar certo”.
  • “Os Gestores remam em direções diferentes na busca de seus(!) resultados”.
  • “Não me sinto estimulado para ir alem da rotina”.
  • “Nós temos uma estratégia, mas não conseguimos transformá-la em ação  resultado”.

 

Se sua empresa estiver vivenciando uma ou mais dessas situações, é provável que o Prisma Empresarial ajude a facilitar o seu dia-a-dia.

 

Como “juntar as peças”?


Quais são os elementos a serem enxergados pelo Prisma Empresarial?


Existem elementos, cuja combinação determina como a empresa funciona (ou não), para gerar os resultados desejados.

 

  • Diretoria que gerencia o processo de um modelo de gestão executiva.
  • Cultura que conecta os colaboradores com os valores da empresa.
  • Estrutura que apoia a tradução da estratégia em ação e resultado.
  • Informação que garante a tomada de decisão de forma clara e na hora certa.
  • Motivação que explica o que deve ser feito, por quê e para quê.
  • Ética que zela pela honestidade e integridade de respeitar e ser respeitado.
     

Sob o prisma empresarial, a geração e execução (!) de idéias como prática de gestão empresarial permite:
 

  • Atrair stakeholders (colaboradores, clientes, fornecedores, comunidade e investidores).
  • Superar a expectativa dos stakeholders.
  • Desenvolver novos produtos (bens e/ou serviços).
  • Encontrar soluções inovadoras para os problemas.
  • Quebrar mesmice.
     

Para dar um pontapé rumo à inovação, faça perguntas do tipo:
 

  • O que representa a inovação para a sua empresa?
  • Se o seu time for mais inovador, que tipo de problemas poderá ser eliminado?
  • Que oportunidades poderão ser exploradas?
  • Que benefícios poderão ser obtidos?
     

Em seguida, faça parte de uma força-tarefa com definição de meta, prioridades, responsáveis e prazos, que tem a missão de pensar em soluções originais, algo que nunca alguém pensou antes. O foco é sanar os problemas que têm maior impacto sobre o resultado – individual e/ou corporativo.
 

Não tenha receio de expressar uma idéia totalmente “louca”. Como já disse Albert Einstein: “Se à primeira vista a idéia não for absurda, não há esperança para ela”.


Dê oportunidade para seu time desenvolver seu potencial criativo. Estimular a criatividade dos colaboradores contribui mais para a satisfação dos stakeholders do que um bônus financeiro. Para o colaborador “talento”, a sensação de contribuir com algo importante e a oportunidade de aparecer são prêmios superiores.

 

Qual é o papel do gestor?

 

A sobrevivência exige, mais do que nunca, muita criatividade dos gestores empresariais, para sustentar uma vantagem competitiva na busca de resultado.

 

Para ser um bom gestor de inovação, ele deve:

 

  • Exercer uma forte liderança que sabe ouvir a equipe.
  • Deixar as responsabilidades (não somente os cargos) bem claras.
  • Delegar o direito de decisão e a responsabilidade pelos atos, de forma explícita.
  • Incentivar o espírito empreendedor, que ousa, inspira e promove mudança.
  • Estimular o uso da Tecnologia de Informação para se comunicar.
  • Acompanhar o desempenho na busca constante de níveis mais elevados.
     

Se sua empresa quer disputar e ganhar o jogo que os stakeholders querem que ela ganhe, lembre-se:
 

- Estratégias só podem ser implementadas por quem sabe fazer acontecer.
- Resultados desejados só podem ser gerados por quem tem vantagem competitiva.
- Crescimento sustentável só pode ser alcançado por quem tem fôlego e sabe inovar.

É como na Amazônia: todos os dias, em algum ponto da sua empresa, uma inovação precisa correr mais do que o concorrente, para continuar sobrevivendo; o concorrente precisa correr mais do que a sua inovação, para também continuar sobrevivendo....
 

Werner Kugelmeier


 

Fale Conosco - WK Prisma

 Tel: +55 (19) 3256-8534 / 98219 2638
    E-mail: clique

    Endereço: Rua Cândido Portinari, 258
    13088-007 Campinas – SP

 

       

                

Blog - WK Prisma 

 

 

Bem-vindo ao blog da WK PRISMA
Educação Corporativa Modular

 

Blog

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Social - WK Prisma Werner Kugelmeier FacebookWerner Kugelmeier - LinkedIn

 


© Copyright 2010, WK PRISMA®. direitos reservados
Produzido por Dinamicsite

A página solicitada não foi encontrada !

Verifique se digitou o endereço corretamente. Se esta página foi indicada por um Sistema de Busca (Google / Yahoo / MSN) este ainda não se atualizou após a remoção da página.

Faça uma Busca Interna com uma da(s) palavra(s) solicitada(s) ou avise-nos.

Obrigado !