Fatores como transformação gerencial-tecnológica, ênfase na relação custo-benefício, poder de escolha por parte do cliente exigem foco maior na criatividade e na inovação como competência central das organizações.


Chegou o momento da valorização das pessoas como geradores de idéias e ações nunca antes testadas.


Por onde começar? Muito se fala de criar e inovar, frequentemente mesclado entre si, enquanto bem distinto um do outro.


O termo criar, segundo o dicionário Michaelis, significa tirar do nada, ou seja, inventar algo, gerar uma idéia ou solução onde não existe nada. Ser 100% original.


Do outro lado temos a “ordem do dia”, inovar, que seguindo o Michaelis significa:  mudar as coisas ou introduzindo novidades.


Para facilitar o seu dia-a-dia como Gestor da Criatividade e Inovação, seguem aqui cinco dicas de como criar e inovar na sua área de atuação empresarial:

 

1- Pergunte a sua equipe: o que podemos fazer diferente e/ou como podemos fazer o que fazemos de maneira diferente, para sermos melhores na busca de soluções e resultados?
 

2- Analise o que os concorrentes estão fazendo (benchmarking). Eles fazem o mesmo em relação a sua empresa! Você pode usar uma idéia deles para ser melhor e/ou diferente!
 

3- Faça o fluxo reverso. Nós costumamos ver a cadeia de valor para o cliente de dentro para fora. Inverta a posição, partindo da necessidade do cliente, imaginando ou perguntado como ele gostaria de interagir com sua empresa; vale até a “prova de burro”: pergunte a si mesmo se você iria comprar o produto da sua empresa...
 

4- Fale com pessoas que não conhecem suas práticas, como resolveriam uma determinada situação, na qual você tem dúvidas sobre a solução “certa”; como dizem “pensar fora da sua caixa de fósforo” é um dos pilares da inovação;
 

5- Crie uma rede de relacionamento (network) com contatos que atuam em ambiente semelhante ao seu ou comercializando produtos correlatos aos seus. Compartilhar o aprendizado de outros pode ser a solução...


O “x” da questão é acessar o potencial criativo e inovador dos colaboradores; a sinergia do trabalho de um grupo coeso e diversificado em suas capacidades é muito maior do que a soma do intelecto dos indivíduos que o compõe; muitas é mais inteligente dar vazão ao potencial produtivo das pessoas em detrimento de pressão e estresse para a obtenção de resultados a curto prazo.

 


Mas como proceder?


- Ouça idéias do(s) colaborador(es), sem alegar que no momento está muito ocupado;


- Permite que o(s) colaborador(es) exponha(m), sem continuar olhando os seus e-mails ou fazendo outras atividades no computador, sem dar a atenção ao que ele(s) tem para dizer;


- Conduza reuniões que abrem espaço para questionamentos, perguntas e/ou sugestões dos colaboradores;


- Reconheça o colaborador ou a equipe que fez um trabalho diferente; menos como elogio, mais como incentivo!


- Promova encontros com o time em um ambiente distraído onde prevalece o fluxo de idéias; muitas vezes as idéias pegam “carona” umas com as outras.

 


Como expandir a capacidade criativa nas pessoas?


Algumas pessoas fazem as mesmas coisas e de forma repetida todos os dias e isso significa que o mesmo dia vai se repetindo indefinidamente por todos os dias da vida com diferenças mínimas. A mesma rotina, os mesmos lugares, as mesmas pessoas, os mesmos hábitos, o mesmo conhecimento, o mesmo trabalho, o mesmo caminho, os mesmos programas e, assim por diante. Dessa forma, é difícil inspiração para que a criatividade deixe de ficar submersa! Como já disse Albert Einstein: “Não há nada que seja maior evidência de insanidade do que fazer a mesma coisa dia após dia e esperar resultados diferentes”...

 

Se a pessoa quer e pode ser criativa, ela deve fazer coisas diferentes todos os dias! Mudar o seu ambiente de trabalho! Mudar alguma coisa no seu lar! Ver wwws filmes! Ir a wwws lugares! Falar com novas pessoas! Ler livros variados! Na medida em que a mente fica exposta a novidades, desenvolvemos estímulos de curiosidade, a observação mais aguçada e a facilidade conectar idéias. Estamos falando da (re)vitalização do cérebro com sua capacidade ímpar de pensar, testar e aprender. Vale lembrar aqui da expressão de um Anônimo: ”cérebro é como um pára-quedas: só funciona, quando aberto”…

 

 

Como expandir a capacidade inovadora das pessoas?


Algumas pessoas conseguem implementar sua idéia e outras não; elas tem receio de se expor ou medo de parecerem “idiotas”.


Para implantar uma idéia criativa é preciso acima de tudo, de muita determinação.

 

A criatividade por si só não basta. É preciso implementar a idéia criativa, transformando-a em uma inovação através de novas práticas de gestão, de wwws processos para produtos diferentes etc., sob pena de não passar da fase de incubação sem ação.


Portanto é inprescindível criar um ambiente encorajador para a inovação que permite transformar criatividade em resultado financeiro.


A melhor forma de assegurar a inovação é estar atento ao que não funciona ou mal funciona. Inovar é melhorar e resolver de uma forma original. As grandes oportunidades estão na insatisfação dos usuários dos produtos e serviços disponíveis. Basta perguntar: Como estou me saindo? Um bom começo para Criatividade e Inovação em Ação...
 

Werner Kugelmeier

 

Criatividade e Inovação em Ação – e agora?

- como expandir a capacidade criativa e inovadora nas pessoas

 


 

Fale Conosco - WK Prisma

 Tel: +55 (19) 3256-8534 / 98219 2638
    E-mail: clique

    Endereço: Rua Cândido Portinari, 258
    13088-007 Campinas – SP

 

       

                

Blog - WK Prisma 

 

 

Bem-vindo ao blog da WK PRISMA
Educação Corporativa Modular

 

Blog

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Social - WK Prisma Werner Kugelmeier FacebookWerner Kugelmeier - LinkedIn

 


© Copyright 2010, WK PRISMA®. direitos reservados
Produzido por Dinamicsite

A página solicitada não foi encontrada !

Verifique se digitou o endereço corretamente. Se esta página foi indicada por um Sistema de Busca (Google / Yahoo / MSN) este ainda não se atualizou após a remoção da página.

Faça uma Busca Interna com uma da(s) palavra(s) solicitada(s) ou avise-nos.

Obrigado !